5 itens para analisar quando se assiste uma reportagem de telejornal

 

 

Quando nós assistimos programas de televisão, seja de entretenimento ou de informação – como os telejornais, a maneira como entendemos tudo aquilo que é exibido e as interpretações que fazemos para dizer se gostamos ou não, ou para concordar ou discordar de um conteúdo passam por uma série de filtros que influenciam em nossa análise. O processo de recepção televisiva é uma moeda cujos dois lados são indissociáveis. De um lado está quem assiste, e de outro lado quem produz o conteúdo que será assistido. Colocar nossos filtros em funcionamento começa por entender os recursos usados por quem produz a programação para passar a sua mensagem.
É comum depois de uma reportagem nos sentirmos emocionados, ou irados com alguma situação, ou ainda dispostos a tomar certas atitudes. Será que ela não foi produzida justamente para provocar estes pensamentos? Será que a visão apresentada nesta programação é a visão principal ou a mais adequada sobre o fato? Será que o próprio fato é realmente este que foi isolado e apresentado entre as lentes da câmera e a narração do repórter? Selecionei 5 itens para você analisar quando estiver assistindo uma reportagem de telejornal.

1. Cabeça da matéria – o repórter que está apresentando o telejornal fará uma introdução, chamada de “cabeça” da matéria. Ele já vai preparar a visão do telespectador para aquilo que vem depois. Observe o seu posicionamento neste momento e não se engane: não existe imparcialidade! O tempo que ele leva para falar, as palavras que usa, a entonação e as expressões já são as primeiras interpretações oferecidas para quem está assistindo. Aceitá-las é uma decisão nossa.

2. Enquadramentos – no momento da filmagem a lente da câmera é o olhar de quem filmou, que foi orientado por quem produziu a matéria, roteirizado por uma pauta. Isso significa que ele escolheu o que queria colocar dentro do espaço da câmera e enquadrou certas imagens. Este enquadramento não é ingênuo, ele também tem a intenção de passar uma mensagem, como se fosse um quadro pintado. Se olhar cada quadro da reportagem, que informações você terá?

3. Movimentação da câmera – Você já deve ter observado que dependendo do assunto a câmera se movimenta mais ou menos. Ela pode fazer uma passagem geral de um canto a outro de um grupo de pessoas para mostrar que são muitas, pode filmar algo de baixo para cima ou de cima para baixo, o que coloca quem está assistindo na posição da câmera, como se olhasse para uma grande árvore ou estivesse sobrevoando uma região. Todas as movimentações são recursos usados para construir a mensagem.

4. Cortes – No meio da reportagem sempre são feitos cortes, pode ser no meio da fala de um entrevistado, entre uma movimentação de câmera e outra, ou na apresentação de uma sequência de imagens. Cada corte tem o papel de renovar a atenção de quem está assistindo. Em cada corte também há uma intenção em prol da construção da mensagem.

5. Fontes – Com quantas pessoas o repórter conversou? As pessoas que falam na matéria falam todas a mesma coisa ou tem opiniões diferentes? Onde elas foram encontradas? O cenário em que a pessoa se encontra – se está passando na rua ou no seu escritório; o discurso que ela faz e a variedade de pessoas e argumentos que uma matéria constrói também ajudam a analisar sua mensagem como um todo.

A construção de uma mensagem é complexa e composta por diferentes componentes. Quanto mais entender sobre como a TV funciona tanto melhor para trazer novos significados ao que se assiste.

Everton Renaud. Professor, comunicador, gestor e empreendedor. Mestre em Educação, Filósofo, Especialista em gestão, inovação e educação a distância. A sala de aula e as salas de formação de professores fazem parte da minha história profissional, já passei pelo ensino fundamental, médio, pré-vestibular e agora atuo no Ensino Superior. Na graduação, ensino Filosofia, Empreendedorismo e Gestão de Projetos. Sou responsável por algumas disciplinas na especialização e pela liderança de projetos de metodologia de ensino e processos acadêmicos na universidade. professor@evertonrenaud.com

Um comentário em “5 itens para analisar quando se assiste uma reportagem de telejornal

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

RECEBA NOSSO CONTEÚDO EXCLUSIVO.