Biblioteca: A porta de Entrada para a Viagem pelo Conhecimento…

O papel das bibliotecas como Instituição Cultural na sociedade de hoje.

 

 

As bibliotecas, no sentido amplo da palavra, existem há quase tanto tempo quando os registros escritos. A intenção de criá-las parte de vários princípios e desejos consciente e inconscientes. Talvez um dos mais comuns seja o fato de queremos guardar, colecionar, e organizar a informação de modo que esta seja compartilhada entre aqueles que desejam buscá-las.

O fato é que na sociedade de hoje as bibliotecas além de serem criadas para guardar, registrar e organizar os documentos e as informações, exercem um outro papel mais social. Talvez possamos dizer que elas, hoje, são criadas também com a intenção de se tornar um espaço de convivência, e não apenas de conveniência.
Convivência com a leitura no sentido amplo da palavra, de que lemos tudo e não apenas aquilo que está escrito já se tornou comum ouvir falar no fim dos livros e das bibliotecas. Previsões onde o livro de papel e os espaços fechados com estantes e mesas ficarão apenas na lembrança de cada um de nós, e a informação fluirá de maneira quase instantânea.

De fato houve uma grande evolução desses espaços desde a criação das bibliotecas até os dias de hoje, porém falar em fim é, a meu ver, um pouco catastrófico. Acredito mais na transformação dos espaços.
Hoje no Brasil, existem muitos programas e iniciativas no sentido de fazer chegar o livro e as bibliotecas a toda a população brasileira. São ideias brilhantes, algumas premiadas que se proliferem por todo o país. Porém ainda fortalecê-las, e também organizá-las.

Com tantas tecnologias, modernos computadores, rapidez nas informações, e tantas coisas sendo oferecidas, fica difícil em um primeiro momento imaginar que isso é possível.
Entender o que as pessoas desejam talvez seja o primeiro passo para fazermos as escolhas certas. Escolha do acervo, do espaço em si e tudo que ele pode oferecer. Não pode ser ao contrário, criar espaços, selecionar os acervos e abrir a PORTA DA FELICIDADE.

A biblioteca pode ser esse espaço interativo, uma instituição cultural, que além de livros, e informações em outros suportes, oferece outras praticas distintas, culturais, educativas e de expressão popular, para assim exercer um papel muito importante e que também é seu. O papel de atuar no desenvolvimento da cidadania da população que ela atende.

Escritora; Contadora de histórias. Pesquisadora da Cátedra de Leitura da UNESCO-PUC-RJ.
luciacruzfidalgo65@yahoo.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

RECEBA NOSSO CONTEÚDO EXCLUSIVO.