Como vencer as dificuldades no aprendizado de uma língua estrangeira?

Aprender uma língua estrangeira é aprender a enxergar o mundo através de uma maneira diferente. É um processo lento e que exige muito esforço do aluno, assim como constante atualização e criatividade por parte dos professores.

 

O ensino de uma língua estrangeira nunca é fácil e existem diversas variáveis que interferem nesse processo, por exemplo: a semelhança que ela possui com a língua nativa do aluno, sua experiência no aprendizado de outras línguas, como também, o conhecimento normativo que possui da própria língua materna. Mas não são só variáveis relativas ao conhecimento prévio do aluno que podem interferir no seu processo de aprendizado. O professor também precisa ter entendimento sobre os métodos de ensino adequados à língua que está ensinando e especializar-se naquele que sua experiência mostra ser o mais eficiente de acordo com os seus resultados.

Diferentes abordagens de ensino
Existem vertentes que consideram que o aprendizado de uma língua estrangeira deve acontecer assim como se dá o aprendizado da língua materna para as crianças: a partir da escuta e repetição de frases, que pouco a pouco tornam-se mais complexas, até serem internalizadas pelo aluno. Já outras vertentes consideram que o aprendizado se dá através do entendimento da estrutura da língua, por meio de exercícios que combinam escrita, leitura, áudio e conversação, a partir de materiais específicos, dando mais ênfase à apreensão da gramática estrangeira.

Um esforço contínuo
De qualquer forma, aprender uma nova língua exige um esforço tremendo por parte do aluno, pois é um exercício de passar a enxergar o mundo de uma nova maneira, a partir de novos signos que se relacionam aos seus objetos abstratos e subjetivos. Muitas línguas possuem palavras e expressões com significados impares que nem sempre dispõem de uma tradução similar em outras. No português, o exemplo mais famoso é o substantivo “saudade” que, por exemplo, não possui similar em inglês. Já no alemão, existem palavras que desdobram esse significado e correspondem a saudades específicas, como Heimweh — relativo à saudade da pátria, da terra natal; ou Fernweh — uma espécie de saudade daquilo que ainda não se conhece, uma vontade de conhecer novos lugares. Por isso, tanto por parte de alunos como de professores, o aprendizado de uma língua nunca se esgota. Frequentemente, aprendemos novas palavras em nossa língua materna que não conhecíamos, não é verdade? Então, o esforço para dominar uma nova língua e tornar-se fluente pode levar anos ou até mesmo décadas.

Dicas para potencializar aprendizado e ensino de línguas estrangeiras
Até mesmo os professores fluentes na língua que ensinam precisam sempre manter-se atualizados, fazendo cursos e workshops de conversação, métodos e materiais, viajando e entrando em contato com a cultura, buscando outras formas de ensino que transponham a sala de aula, como filmes, músicas, festas temáticas, atividades culturais, etc. Assim, uma ampla forma de domínio e transposição de conhecimento, instiga e motiva mais seus aprendizes a interessarem-se e superarem suas dificuldades particulares de apreensão. Já os alunos devem sempre buscar formas de ampliar seu vocabulário e o mais importante é nunca desistir e tentar incorporar um pouquinho da língua estrangeira no seu dia a dia. Assistir frequentemente a filmes, séries, ler reportagens e livros específicos para o seu grau de conhecimento, reservar pelo menos uma hora diária para entrar em contato com a língua.
Outra ideia interessante é fazer, pelo menos anualmente, testes reconhecidos e voltados para avaliar o nível de conhecimento da língua estrangeira. Com eles, o aluno pode perceber e avaliar sua evolução ao longo do tempo, assim como ter uma noção mais exata de quais são seus pontos fracos, criando estratégias particulares para desenvolvê-los. Por exemplo, se a dificuldade é a fala, a pronúncia da língua, fazer cursos específicos de conversação, ouvir diálogos e repeti-los até alcançar o domínio necessário.

Texto produzido pela equipe da Futuro Eventos.

2 comentários em “Como vencer as dificuldades no aprendizado de uma língua estrangeira?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

RECEBA NOSSO CONTEÚDO EXCLUSIVO.