A natação e seus benefícios

Nos dias de hoje torna-se hábito dentro de várias famílias o início da prática da natação desde bebê.

 

 

Particularmente não tive essa oportunidade, uma vez que quando iniciei na natação, pouco se falava em iniciar essa prática já nos primeiros meses de vida.

Porém, meus pais me oportunizaram o aprendizado e o início mais regular dessa prática aos 5 anos de idade.

Assim, segui minha vida nas piscinas até próximo dos 12 anos quando resolvi iniciar a prática de esportes coletivos e de quadra.

De lá até meus 58 anos de idade não pratiquei mais regularmente a natação, mas não abandonei as práticas esportivas e atividades físicas de manutenção e melhoria de performance, necessárias a vida atual.

Nos dois últimos anos tive o prazer e a satisfação de retornar às piscinas e enfrentar também águas abertas com travessias.

Logo percebi que foi um grande erro ter deixado a natação de lado tantos anos. E hoje, aconselharia qualquer pessoa a criar esse hábito como algo obrigatório para uma excelente qualidade de vida.

O lastro adquirido na infância e mesmo a condição de ontem e de hoje, me facilitaram esse retorno, ao ponto de ter objetivos pessoais de superação a cada prova em águas abertas.

Mas ao chegar nesses 60 anos bem vividos, vejo na natação, uma expectativa de longevidade por conta de diversos fatores, que aliás aproveito para relacionar pelo menos 10 deles a vocês:

1. Torno-me mais feliz a cada dia que nado.

2. Sei que ao praticar no mínimo 45 minutos a 1h30 minutos de natação, estou queimando calorias.

3. Supero desafios a cada dia e a cada prova, como por exemplo, travessias noturnas.

4. Reduzo sensivelmente a possibilidade de doenças e ainda possibilito que vários órgãos trabalhem melhor no meu corpo.

5. Torno-me exemplo para filhos, amigos e parentes estimulando-os à prática da natação ou outra atividade saudável.

6. Tenho que superar temperaturas adversas fora e dentro das piscinas, especialmente em águas abertas.

7. Quem nada sabe que isso torna-se um vício. Porém, um bom vício que te regra de outros vícios maléficos.

8. Alivio constantemente o stress durante e após cada treinamento e ainda me habituo a ter nesses momentos, reflexões de vida e até do trabalho e sem gerar stress.

9. Todos sabem que natação não gera impactos no solo e mesmo assim produz efeitos musculares, articulares e cardiorrespiratórios sem comparação. Por isso, muitos a tem como a atividade ideal e completa.

10. A possibilidade de fazer na piscina e fora dela novas amizades e fortalecer as já existentes é fantástico.

Enfim, apesar de ser um dos esportes considerados entre os mais completos, a natação torna-se uma forma divertida, prazerosa, desafiadora e saudável de praticar atividade física de forma regular, o que vai gerar em todos (atletas, iniciantes e praticantes) uma grande sensação de bem estar e prazer.

 

 

Marcos Melo. Graduado em Educação Física e Especialista em Educação Física Escolar e Treinamento Desportivo. marcosmelo@futuroeventos.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

RECEBA NOSSO CONTEÚDO EXCLUSIVO.